Baba de Camelo - Divina Culinária
10226
post-template-default,single,single-post,postid-10226,single-format-gallery,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-title-hidden,qode_grid_1300,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-content-sidebar-responsive,qode-child-theme-ver-1.0.0,qode-theme-ver-12.0.1,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.1.1,vc_responsive

Baba de Camelo

Baba de Camelo – Portugal

Camel’s Drool – Portugal

Sobre a Receita:
Nunca se questionou como surgiu a Baba de Camelo e, principalmente, porque lhe deram esse nome? Reza a história que a Senhora Valentina tinha visitas de última hora e por isso decidiu improvisar uma sobremesa rápida com aquilo que tinha no frigorífico: leite condensado e ovos. Inventou assim a Mousse Valentina. Porém a receita rendeu pouco e com medo que não chegasse para todos os convidados decidiu chamar-lhe nesse dia baba de camelo. A verdade é que poucos se atreveram a experimentar a sobremesa com tão estranho nome … mas aqueles que o fizeram adoraram e começaram a espalhar a receita.

Ingredientes:
1 lata de leite condensado cozido
6 ovos
Amêndoa laminada torrada q.b.

Preparação:
Parta os ovos e separe as gemas e junte-as ao leite condensado. Coloque as claras noutra tigela. Bata muito bem as gemas com o leite condensado até começar a fazer bolhinhas. Bata as claras na velocidade máxima durante 3 minutos para que fiquem bem batidas. Envolva muito bem as claras com o leite condensado. Coloque a baba de camelo numa taça grande ou em tacinhas. Leve ao frigorífico para ficar bem fresca. Depois de fria, decore a gosto com a amêndoa laminada torrada.

 

No Comments

Comentar